Frete grátis nas compras a partir de 3 unidades.

Como resolvemos o problema da falta de libido dos nossos clientes

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Confira neste conteúdo como resolver os problemas da falta de libido, um problema tão presente hoje em dia.

A falta de libido é um problema que afeta diversas pessoas e que influencia diretamente na qualidade de vida e no bem-estar do casal, gerando diversas dificuldades na relação e outras preocupações.

No entanto, temos uma boa notícia para você: este problema pode ser resolvido!

E foi por isso que preparamos este conteúdo para você, a fim de te mostrar como resolver a falta de libido.

Portanto, não deixe de conferir este artigo até o final para saber o que fazer caso esteja enfrentando esse problema. Vamos lá!

O que é falta de libido?

A libido é o termo usado para o desejo sexual, um instinto de todo ser humano.

Porém, esse desejo pode receber influências de algumas questões, sejam elas emocionais ou físicas.

Consequentemente, a libido pode aumentar ou diminuir em certos momentos da vida.

A libido é controlada pelos hormônios, que no caso dos homens é a testosterona, e nas mulheres é o estrogênio.

Em certas fases do mês, é natural que o interesse sexual da mulher seja maior ou menor.

Geralmente, as mulheres aumentam a libido durante o período fértil, ao passo que ela diminui na fase de menopausa.

A falta de libido pode ocorrer de 2 formas:

  • Geral, caso em que não há desejo sexual por nenhuma pessoa;
  • Relacionado ao casal, caso em que o interesse sexual é perdido em relação a uma pessoa apenas;

A falta de libido pode ser um problema:

  • Primário: quando a pessoa nunca teve desejo sexual;
  • Secundário: quando a pessoa perde a libido com o tempo;

Vale destacar que diversos fatores contribuem para a falta de libido, como a ansiedade, o estresse, dificuldades no relacionamento, uso de remédio, entre outros.

Assim, é fundamental que a causa seja identificada para que o problema possa ser resolvido de forma eficaz, fazendo com que a pessoa aumente o seu desejo sexual.

As causas principais da falta de libido

A falta de libido pode ocorrer por conta das alterações ocorridas nos níveis hormonais que trabalham no controle do interesse sexual.

O problema pode acontecer, ainda, em razão dos problemas enfrentados no dia a dia, sejam eles grandes ou pequenos, duradouros ou temporários.

Veja a seguir as principais causas que costumam provocar uma diminuição do desejo sexual nas pessoas.

1. Distúrbios emocionais

Hoje em dia é muito comum encontrar pessoas com alterações emocionais.

Esses distúrbios incluem a depressão, ansiedade, estresse, entre outros, sendo responsáveis por interferir diretamente na disposição e no humor da pessoa.

Consequentemente, a libido acaba sendo afetada também, provocando sua diminuição de forma temporária, enquanto durar as alterações emocionais.

2. Traumas

Os traumas emocionais também são fatores que afetam o desejo sexual de forma direta.

Dependendo da intensidade do trauma, os problemas com a libido podem ser significativos, necessitando de uma atenção maior.

Vale destacar que a falta de libido se intensifica ainda mais quando o trauma tem alguma relação com questões sexuais.

3. Problemas de relacionamento

Não são raros os casos relatados de falta de libido por conta de problemas que o casal enfrenta na relação.

Os problemas podem ser os mais variados, como questão financeira, traição, etc.

Nesses casos, a tensão entre o casal faz com que a atração pelo outro diminua, gerando afastamento e falta de diálogo.

4. Impotência sexual

A impotência sexual ocorre quando a pessoa encontra dificuldades para ter uma ereção ou para mantê-la.

A frustração gerada por essas situações acaba fazendo com que o interesse sexual diminua, aumentando o quadro de insegurança e falta de autoestima.

5. Uso de remédios

O uso de remédio é outro fator que contribui significativamente para a falta de libido.

Dentre os medicamentos que gera a diminuição do desejo sexual, se destacam os ansiolíticos, antidepressivos ou anticoncepcionais, já que provocam um distúrbio no nível hormonal que circula no corpo.

Esse distúrbio interfere no funcionamento do sistema nervoso, impedindo que o desejo sexual se expresse em sua plenitude.

6. Menopausa

A menopausa causa a alteração do nível hormonal feminino, causando a diminuição da libido.

Além disso, a menopausa causa outros sintomas, como episódios de calor, cansaço constante e suor noturno, por exemplo.

7. Diminuição do nível de hormônio masculino: a testosterona

A testosterona, hormônio masculino, está diretamente ligada ao desejo sexual e à produção dos espermatozoides.

Desse modo, a alteração no nível hormonal masculino que causa a diminuição da testosterona, pode provocar a falta de libido no homem.

8. Dores durante o sexo

Muitas pessoas sentem dores durante a relação sexual, provocadas pelos mais variados motivos.

No entanto, o desconforto e a dor nesse momento destinado ao prazer, faz com que a pessoa diminua o seu interesse sexual, como forma de evitar o incômodo novamente.

9. Doenças crônicas renais

As doenças que afetam os rins acabam afetando diretamente outras funções do organismo, como a libido, por exemplo.

Enfim, essas são as principais causas que costumam provocar a falta de libido nas pessoas.

Vale destacar, ainda, que nas mulheres, esse problema pode ser causado pela dificuldade em ficar excitada ou de alcançar o orgasmo, dificultando um contato mais íntimo já que a vagina não fica lubrificada.

Como resolver o problema com a falta de libido

Agora que você já sabe as principais causas da falta de libido, é hora de saber como resolver esse problema.

Para você aumentar sua libido é fundamental, antes de mais nada, procurar uma ajuda médica a fim de que ele possa identificar qual a causa do problema e indicar o tratamento mais eficaz para o seu caso.

Quando a falta de libido é causada pelo uso de remédios, o médico pode sugerir a troca, a suspensão ou até mesmo a alteração da dosagem do medicamento.

Por outro lado, caso a diminuição do desejo sexual seja provocada pela alteração dos níveis hormonais, sejam eles masculinos ou femininos, uma terapia para a reposição desses hormônios pode ser indicada.

Além disso, caso a falta de libido seja provocada pela diminuição do nível de testosterona ou pela impotência sexual, é recomendável uma maior ingestão de alimentos que colaboram para uma circulação sanguínea mais eficiente.

Entre os alimentos voltados para o aumento da libido, se destacam o atum, o figo, a semente de chia, a pimenta caiena, a tâmara, etc.

Além disso, como visto acima, pode ser que a falta de libido seja causada por distúrbios emocionais, como a ansiedade, depressão e estresse.

Nesses casos, é recomendado que a pessoa busque o tratamento junto a um psicanalista, a fim de que as alterações emocionais sejam tratadas da forma adequada.

A mesma solução também se aplica para os casos de falta de libido causadas por problemas no relacionamento ou traumas emocionais.

No caso de dores na relação sexual que causem a diminuição da libido, é importante que se investigue a causa para identificar o melhor tratamento.

Afinal, as dores podem ser provocadas pelos mais variados motivos.

Porém, em relação às mulheres, uma boa dica para aumentar a libido é o aumento da lubrificação.

Nesse caso, é recomendável que a mulher coloque um pouco de lubrificante íntimo na vagina, antes ou mesmo durante a relação sexual.

Com isso, os atritos causados pelo contato pele a pele diminuem, fazendo com que algumas dores sejam evitadas.

O óleo de Baru para a falta de libido

O óleo de Baru é um produto natural e altamente eficaz para o aumento da libido.

Baru é um fruto natural do cerrado e sempre foi conhecido, pela população local, como o viagra do cerrado, por conta de sua propriedade afrodisíaca e o aumento da capacidade de fertilidade.

O Baru tem propriedades altamente proteicas, sendo consumido muitas vezes como suplemento alimentar.

O alto teor de proteína do óleo de Baru faz com que ele seja capaz de trazer diversos benefícios para a saúde.

Além de aumentar o desejo sexual, o óleo de Baru serve como anti reumático, para diminuir as taxas de colesterol, entre outras utilidades.

O óleo de Baru pode ser usado de várias formas, porém, é mais comum que seja consumido em cápsulas, já que evita o mal-estar que decorre do consumo direto do óleo líquido.

As cápsulas de óleo de Baru são indicadas para serem consumidas próximo às refeições, seja meia hora antes ou depois delas.

É recomendável a ingestão de 1 a 2 cápsulas por dia.

Em apenas uma cápsula você tem acesso a diversas proteínas e nutrientes.

Por conta de todo seu poder medicinal, o óleo de Baru recebeu o nome de ouro do cerrado.

Isso porque a planta de onde se extrai o óleo é nativa do cerrado, sendo encontrado somente na flora brasileira.

Desse modo, quem consumir o óleo de Baru todos os dias consegue alcançar, de forma rápida, uma imunidade mais forte, além de manter o organismo equilibrado diante das infecções mais comuns.

Vale destacar que não há nenhuma restrição ao uso do óleo de Barú, sendo indicado, inclusive, para as grávidas e lactantes.

Quer saber mais detalhes sobre o óleo de Baru para a falta de libido? Então acesse o link https://www.souldip.com.br/ e veja todos os benefícios desse poderoso produto natural.

Subscribe To Our Newsletter

Get updates and learn from the best

Outros posts

Alimentação

Colesterol alto? Veja como resolver

O colesterol alto é um problema que afeta milhares de pessoas, provocando diversos malefícios para a saúde. Grande parte das substâncias que nosso corpo produz

Do You Want To Boost Your Business?

drop us a line and keep in touch