Frete grátis nas compras a partir de 3 unidades.

Qualidade química do óleo da amêndoa de baru (Dipteryx alata)

Autores: Ana Paula Silva Siqueira, Carlos Frederico de Souza Castro, Eduardo Vieira Silveira, Marcos Felipe de Castro Lourenço

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Óleos vegetais são indicados na alimentação humana
como parte de uma alimentação saudável. Parte dos frutos nativos
do cerrado, como a amêndoa de baru, são fontes naturais desses
óleos. Objetivou-se, com este estudo, informar a respeito da
qualidade do óleo de baru, tendo como base de comparação o óleo
de soja e o azeite de oliva, usualmente consumidos na alimentação
humana. Foram realizadas análises de índice de acidez, peróxido e
iodo segundo normas oficiais para todos os óleos e, para o óleo de
baru, foi realizada ainda a composição em ácidos graxos, também
segundo metodologia oficial. O óleo de baru tem potencial para
fazer parte da alimentação humana em dietas saudáveis de forma
similar ao óleo de soja e ao azeite de oliva.

Subscribe To Our Newsletter

Get updates and learn from the best

Outros artigos

Do You Want To Boost Your Business?

drop us a line and keep in touch